12 de setembro de 2010

Como agir em cada situação: ele é seu ex-ficante


Quem inventou essa história de "ficar" deveria ser preso, amarrado e castrado! Maldito seja!
Ficar com alguém é como se você possui um doce muito gostoso, que você prova direto, mas que não é só seu. Ou seja, se alguém, com outra colher suja de baba comer do seu potinho, você não pode achar ruim. Pois vocês estão "só ficando". Argh!
Ficar ficando com alguém da muito trabalho. É uma história de não se envolver muito nem pouco. Nem da muita atenção e nem deixar pra lá. Nem ser seu demais e nem ser seu de menos!
Se ele é seu ex-ficante, a história complica um pouco, pois como dito acima, ele infelizmente não era seu de papel passado e a história corria um pouco mais solta do que deveria! E como vamos fazer cobranças e acusações sobre alguém que não era oficialmente nada seu. Por isso eu não gosto dessa história de ficar! O que é meu, é meu, pombas!
Mas não é por que vocês só estavam ficando que você não gosta dele, ou gostou dele de verdade. Não é só por que o jogo era aberto que ele tem o direito de te destratar e tratar como qualquer uma. Toda pessoa é única e especial. Só um idiota não percebe isso! E pelo visto ele era um idiota de marca maior!

Mais a frente ensinarei como lidar com esse tipo e o que fazer para neutralizar a situação!



Nenhum comentário: